Domingo, 11.04.10

O espaço num tempo

Por mais que queiramos o tal espaço, é inevitável invadirmos o mundo um do outro. Abrimos bruscamente a porta e entramos de rompante, sem pedir permissão, como se nada se passasse e nada tivesse acontecido. Como se nos conhecêssemos ao tempo a que nos conhecemos, como se tudo fosse igual, como se fôssemos iguais.

O tempo era imprescindível. E o espaço do tempo... Esse não é fundamental?
Então porquê? Para quê?

Deveria existir espaço, deveria existir silêncio e deveria existir vazio.

Mas o espaço ainda não existe, o silêncio é sempre interrompido, e o vazio é preenchido de vez em quando.

O suposto era sofrer, passar por tudo isso. E tudo isso existiu apenas durante umas míseras 24 horas.

Depois, confundo-me com o espaço que me pediu. Confunde-me com trocas de palavras fundamentais ao rumo das nossas vidas. O tempo e o espaço são fulcrais, imprescindíveis, extremamente necessários. Então porque não existem? Quem deve tomar iniciativa? Quem consegue tomar a iniciativa?


Sexta-feira, 02.04.10

Tempo #1

 

 

"Há tempo para tudo", dizem.
Tempo para rir, para chorar, para sair, para estudar, estar com os amigos, namorar, estar sozinha, viajar. Dizem que há tempo para viver a vida mas eu acho que a vida não nos dá tempo suficiente para a viver. Para mim o tempo passa num instante! O tempo de andar na creche, o tempo em que jogava à bola na rua, o tempo em que andava na escola primária, o tempo em que fiz novos amigos na nova escola, o tempo em que andava toda a gente da mesma maneira...Esse tempo quase não o vi. E agora que tenho o tempo contado para tudo, ainda mais difícil se torna!

O tempo passou. É tempo de... fazer uma pausa.


Sexta-feira, 26.03.10

Record

 

Uma semana que passa, aulas todos os dias et moi...Eu só fui a uma!

Não me culpem, até houve um dia ou outro de sol, foi tão mais agradável estar sentada à beira mar a fumar um cigarro e a conversar. Ou então, ir para encontros de tunas em Elvas e chegar às 05.00 da manhã, também é agradável!

Depois das férias tudo muda.

 

Anne Marie

C'est l'histoire de ma vie, racontée dans des mots qui sont le sommeil en vrac

É a história da minha vida, contada em palavras que fazem adormecer

mail

m.mariamica@sapo.pt

vieux

amis

blogs SAPO